sexta-feira, 15 de agosto de 2014

AMANHECESTE-ME


Arte:1aTalantbek Chekirov (45) 


Amanheceste-me


Amanheceste-me
nos braços da saudade
pele com pele,
a tua cabeça encostada
no meu peito

Amanheceste-me
no pensamento, 
orgulho que nos acompanha, 
pelo afecto 
que nos une
malgrado
esta distância 
que nos adia.

A distância
que nos separa
não verga, 
nem diminui 
a força do nosso 
querer, sentimento 
que nos impele 
para a vida
um do outro 
passos unidos
no mesmo rumo

Amanheceste-me
como vem sucedendo
frequentemente

Amanheceste-me…

Hamilton Ramos Afonso