terça-feira, 26 de agosto de 2014

APRENDI


APRENDI


Para agradar aos outros
tinha de me reinventar todos os dias
mas eu gosto de ser assim genuína
e deixei-me dessas agonias.

Quem gostar tem de me ter como sou
pura, alegre, verdadeira e serena
Gostam assim tudo bem
quem não gostar temos pena.

Neste mundo de faz de conta
eu ainda sei quem sou e posso vir a ser
Não quero levar uma vida de teatro
quero crescer tal como merecer.

Aprendi tanta coisa na vida
que de nada já tenho medo
A minha vida está exposto no meu rosto
não sou nenhum segredo.

Vitoria Oliveira