segunda-feira, 23 de abril de 2018

OS SENTIDOS E O LIVRO




OS SENTIDOS E O LIVRO 


“Dia mundial do Livro 2018”


Ó Livro que te prezas, ó tu meu amigo,
Pela significância que em tudo apresentas
Não tens dia que passes sem estar comigo
Tu que, por tua essência, a alma me sedentas… 

Tu, fiel companheiro em recôndito abrigo,
Que em horas indolentes sempre me contentas,
E a quem eu recorro quando não prossigo
Sendo, como és, farol na luz que aparentas… 

Mas eu olho para ti e, ao ver-te revestido
Com mil roupagens coloridas ou maceradas,
Digo, cá para mim, que tens algum sentido
Nas mensagens reais em ti aconchegadas. 

Tu e o teu criador, ó Livro, em toda a parte
Sendo aquele testemunho e aquela aventura
Revelais saborosos frutos e obras de arte
Pelas quais se elevam os valores e a Cultura.

Eu te olho, te vejo, te apalpo e te cheiro
Saciando-me contigo e de corpo inteiro! 

Frassino Machado
In AO CORRER DA PENA