sexta-feira, 9 de outubro de 2015

HÁ UM TODO


Imagem - Divergent 


HÁ UM TODO


Há um todo que se completa nas partes.
Há as partes que formam um todo.
Há um indivisível que se torna único.
Vêm as palavras que formam as ideias,
poemas da alma sensível.
Entram as imagens de tinta
que dizem o que as palavras não falam.
Chega o homem atento, que tudo vê.
Carrega consigo o fardo da vida,
espera o descanso de estáticos momentos.
Quer paz. Quer encantamento. Quer sonhar
com um mundo possível.
Imprime-se um convite a outros iguais,
faz-se o sonho, alcança-se o impossível:
ergue-se um céu de amor.


Fernando Figueirinhas