segunda-feira, 14 de julho de 2014

MODELOS E EXEMPLOS


Imagem - Peihang Huang


MODELOS E EXEMPLOS


Não há modelos, há exemplos.
Não há regras estritas,
há a consciência, há como tê-la.
Há o desejo dessa consciência
porque dela vem o amor.
Há a dinâmica do movimento
porque há o querer,
impregnado do mais alto sentido
de uma vida, mundo ideal.
Há o desejo de amor vincado no ser,
que se manifesta no acto de se dar a conhecer.
Há o espírito no íntimo, princípio de tudo
que dá forma ao ser.

Fernando Figueirinhas