quarta-feira, 10 de setembro de 2014

MEMÓRIAS


Juan Fortuny___Sensuality in Art


"MEMÓRIAS"


Trago nos olhos um cacho de uvas.
Tão negras, tão negras como azeviche 
cortadas à pouco na minha latada
que pende do muro para a estrada.

Trago nas mãos pêras madurinhas.
de uma pereira que está no quintal
foi o sol de Agosto que as pôs rosadas
e são sumarentas como madrugadas.

Trago no sorriso rosas em botão.
de pétalas vermelhas e aveludadas
que brilham nos lábios ao romper a aurora
e muito mais coisas que não digo agora.

Margarida Fidalgo